quero adotar um Bebê

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Adoção Consentida-Nova lei

QUERO ADOTAR UM BEBE ....



Adotar é um Ato de Amor e solidariedade.
Procure saber como se cadastrar,e não pensem em adotar só bebês,existem crianças de 4 ,5,6 anos em Abrigos,por que não???

Amar uma criança acima de tudo,pois esse ser já nasce tão sofrido e inocente que precisa de um LAR ,DE VERDADE,sim um amor incondicional,sei disso por que sou Mãe e Biólogica.
Mas não dou as costas,aquelas que não puderam ser por algum motivo,seja qual for.
Estou reservando esse espaço para pessoas que desejam realizar seus sonhos.
Sem preconceitos,sem Raça,sem cor,sem nacionalidade.


Adoção consentida pode virar lei

Publicado por Instituto Brasileiro de Direito de Família (extraído pelo JusBrasil) e mais 1 usuário 2 anos atrás
0
O Projeto de Lei 1212/2011 do deputado Carlos Bezerra pretende autorizar a adoção consentida de crianças e adolescentes. Isso significa que os pais biológicos poderão entregar o filho em adoção a determinada pessoa de confiança, independente de estarem inscritos no Cadastro Estadual ou Nacional de Adoção. A proposta altera oEstatuto da Criança e do Adolescente.
Segundo a justificativa do projeto, a obediência rígida ao cadastro impede, muitas vezes, a adoção de crianças em situações peculiares, evitando prejuízo para a criança ou adolescente.
Para a advogada Tânia da Silva Pereira, presidente da Comissão da Infância e Juventude do IBDFAM, "a adoção consentida é a possibilidade de se entregar um filho em adoção à uma pessoa conhecida que esteja habilitada para a adoção, preferencialmente". A advogada revela ainda que a aprovação deste projeto vai impedir que muitas crianças e adolescentes fiquem esquecidas em instituições. "A possibilidade de se entregar o filho para uma pessoa em quem se confia, representa a chance de uma vida melhor à criança que não se pretende acolher. Finalmente, entregar um filho em adoção também é um ato de amor", afirma.
História de amor - Foi o que aconteceu com a pequena Cristiana, que aos dois anos e meio foi adotada por Ana Aparecida Melgaço e Almerindo Camilo. Sua mãe adotiva conta que não foi o casal quem procurou a criança, mas foi a própria garotinha que os encontrou. "Estávamos em uma festa e vi a Cristiana com os olhos tristes. Minha prima havia me dito que a mãe dela tinha problemas psiquiátricos e que a avó não podia criá-la. Apresentei a criança para meu marido e falei que queria adotá-la, ele concordou. No outro dia, Cristiana já estava em nossa casa e após uma semana ela já me chamava de mãe", lembra Ana.
Ana relata que a adoção foi regularizada depois de dois anos de convivência familiar. Para formalizar a situação, a mãe adotiva precisou mostrar provas de que a criança já possuía vínculos afetivos e apresentava um excelente desenvolvimento. Ana conta ainda que "hoje, com seis anos de idade, Cristiana parece ter nascido aqui em nossa casa".
Como é o processo de adoção hoje - Para se adotar uma criança no Brasil, os pretendentes (casais ou solteiros) precisam habilitar-se junto ao Juizado da Infância e Juventude. Após frequentarem os "Grupos de apoio à Adoção" e serem entrevistados pela equipe técnica interdisciplinar, serão considerados "habilitados para adoção" e incluídos no Cadastro Nacional de Adoção. Isto lhes permitirá visitar as instituições e conhecer crianças e jovens acolhidos. Uma criança ou um grupo de irmãos são indicados pelo Juizado e, após os candidatos à pais adotivos aceitarem essa indicação, se inicia o processo de adoção com a concessão da "Guarda Provisória". Apenas quando concluído o processo com sentença definitiva é que os pais adotivos serão autorizados a alterar a certidão de nascimento da criança.

Nesta seção procuramos esclarecer as dúvidas mais freqüentes. Tem alguma dúvida sobre adoção? Envie a sua pergunta para contato@psicologiadaadocao.com.br, que em breve será respondida e publicada.
Como faço para adotar uma criança?
Procure o Fórum (Vara da Infância) de sua cidade. Eles fornecerão um formulário para ser preenchido, e uma lista de documentos que deverão ser entregues junto com o formulário.
Quem pode adotar?
Homens e mulheres acima de 18 anos, independente do estado civil, que possua um ambiente familiar com condições físicas, psicológicas e socioeconômicas adequadas para o crescimento de uma criança e/ou adolescente. Não é necessário ser "rico", mas é necessário possuir uma situação estável. A diferença de idade entre o adotante e o adotando precisa ser de no mínimo 16 anos.
Estou grávida e quero entregar meu filho para adoção, como devo fazer?
Se for maior de idade, procure o Fórum (Vara da Infância) da sua cidade. É seu direito seu entregar um filho para adoção, caso não possua condições para cuidar dele. Você conversará com um assistente social e será marcada uma audiência para oficializar a situação. Se você for menor de idade precisará da autorização de seus pais/tutor ou responsável.
Dei entrada no meu processo de habilitação para adoção no Fórum, quanto tempo demora o processo?
Inicialmente a equipe técnica do Fórum entrará em contato, e serão feitas as avaliações com psicólogo e assistente social. Após a avaliação, se for considerado apto, será habilitado. O processo pode demorar de seis a doze meses, de acordo com a comarca. Após a habilitação seu nome será incluído no Cadastro Nacional de Adoção (CNA) e de acordo com o seu perfil e comarca, pode demorar meses ou anos. 70% dos pretendentes optam por uma criança com até 5 anos de idade. Para crianças com mais de 5 anos e/ou adoção de grupo de irmãos, o processo costuma ser mais rápido.
Quais os critérios para ser considerado apto para adotar?
O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) define como ambiente familiar inadequado a presença de pessoas que utilizam drogas e álcool. Além disso, as equipes técnicas procuram verificar a disponibilidade dos pretendentes para se tornarem pais, e a possibilidade de propiciar um ambiente acolhedor que auxilie no desenvolvimento dessa criança e/ou adolescente. É necessário que os pretendentes possuam condições financeiras para prover o sustento da criança.
E se alguma mulher grávida quiser me entregar seu filho, devo aceitar?
Não. A adoção consensual não é bem vista na maioria das comarcas, porque existe uma fila de pessoas que foram avaliadas e consideradas aptas pelo Poder Judiciário para adotar uma criança, portanto qualquer um que tente adotar sem passar pelos trâmites legais, corre o risco de perder a guarda da criança. Oriente a gestante a procurar o Conselho Tutelar, ou a Vara da Infância.
Posso escolher uma criança nos abrigos?
Ao freqüentar um abrigo sem o acompanhamento adequado, os pretendentes à adoção acabam fazendo mal para as crianças e para si mesmo. É necessário uma aproximação estruturada, muitas pessoas começam a visitar um abrigo, vinculando-se à alguma criança, e do dia para a noite não retornam, causando mais uma sensação de abandono para a criança que já está frágil emocionalmente. Investigue as suas reais motivações para conhecer um abrigo, se realmente quer auxiliar a instituição e se tem disponibilidade para qualquer trabalho voluntário, ou se está tentando compensar uma carência interna.
Uma pessoa solteira pode adotar uma criança?
Sim. Não é necessário ser casado para adotar.
Sou homossexual, posso adotar?
Sim. Como a união civil entre homossexuais ainda está em discussão no nosso país, não é possível que duas pessoas do mesmo sexo sejam reconhecidas como responsáveis pela criança e/ou adolescente. Apenas um dos dois será o pai/mãe do adotando. Atualmente, alguns casais conquistaram na Justiça o direito de colocar o sobrenome do casal na criança.
Posso mudar o nome e sobrenome do meu filho?
O nosso nome traz parte da nossa história, e ao mudar o prenome da criança é como se tentássemos apagar sua vida antes da adoção. Pode parecer algo pequeno, mas na escolha do nome pelos pais existe uma idealização, e até nisso é necessário trabalhar a aceitação dos pretendentes. O que geralmente se recomenda é acrescentar um nome do meio, corrigir a grafia (se estiver escrito de maneira incorreta), mas deixar o nome dado inicialmente pelos genitores como parte da história da criança. Após a guarda definitiva, a criança recebe uma nova certidão de nascimento com o sobrenome dos pais adotivos, e a importância disso é enorme, muda completamente a sensação de filiação, diferente do "pegar para criar" de antigamente. Nesse período entre a guarda provisória e a definitiva, os adotantes podem conversar com a escola para que o sobrenome seja utilizado pela criança, evitando confusão ou exposição da criança.
Devo dizer para meu filho que ele é adotado?
Sim, desde o primeiro dia. Na seção Livros e DVDs veja a sugestão de material para falar com seu filho sobre a própria história. Leia na seção de artigos "Quando revelar a adoção?"
Existe algum cuidado especial na criação da criança adotada?
É preciso diferenciar o que é uma dificuldade própria da adoção, do que faz parte do desenvolvimento infantil. A adoção é a forma como seu filho chegou até você, mas ele é seu filho, portanto a criação deve ser igual a de qualquer outra criança.
Meu filho quer saber quem são seus pais biológicos. O que deve fazer?
Saber sobre a própria história é algo natural do ser humano. Atualmente se recomenda que os pais adotivos falem a verdade para os filhos desde o primeiro dia, numa linguagem que seja adequada à idade da criança. Uma das vantagens da adoção legal, é que após completar 18 anos o adotando tem direito a ver o seu processo e o nome dos seus pais biológicos. O fato de seu filho querer conhecer os pais biológicos não significa que não existe vínculo nem amor entre vocês. Cada caso é um caso, cada história é única, mas seu dever como pai é proteger seu filho, sempre revelando a verdade. Leia na seção de artigos "Quando revelar a adoção?"

Ana Santos-administradora do Blog

48 comentários:

Anônimo disse...

quero adotar um bebe eu branca meu esposo loiro olhos verdes por favor nos ajudem queroadotarumbebe2014@outlook.com

Anônimo disse...

Entre em contato comigo se ainda estiver interessados
0159392112780

Anônimo disse...

vc não tem mail ou wash qual é sua operadora

Anônimo disse...

Queremos muito adotar uma menina, sou brasileira casada c europeu, cont. maria.lu.ci@hotmail.com

Anônimo disse...

Pessoal quero adotar um menino negro watts 972997292 sou casada ha 15ano e não posso engravidar

Anônimo disse...

Ola, estou gravida de 5 meses.Quero doar o Bb. cont.Tatazinhadanuzio88@hotmail.com

Anônimo disse...

quero doar bebe menina,branca... deixe whatssap. rio grande do sul.

Anônimo disse...

Oi,grávida do Rio grande do sul,contato
11 989866-5624

Anônimo disse...

Corrigindo:Whatssap 11 98986-5624

Anônimo disse...

067 9222-2963

Anônimo disse...

Ola meu WhatsApp é 067 9222-2963 sou psicopedagoga. Quero muito ser mãe. Aguardo.

Anônimo disse...

Olá!
Me interesso no bebe do RIO GRANDE DO SUL
WHATS 51 91613516

lara disse...

047 91182028. - Joinville - sc

Anônimo disse...

Tatazinha eu quero entrar em contato

Anônimo disse...

Oi quero doar meu bb sou do parana

Anônimo disse...

me procure quem sabe não dá certo entre nos
queroumbebezinho@gmail.com

regis disse...

moça do Rio grande do Sul minha esposa eu eu não podemos ter filhos, mas se vc doar para nós ficaremos muito agradecidos. Entre em contato conosco whats 11 9 83082600

Anônimo disse...

Sou de São Paulo,sou proprietaria do Blog e busco também,porem se a bio não quer doar para mim e se decidir por outra eu respeito,e não fico chantageando,pois assim como busco ,elas tem o direito de escolher,sejam quais forem,por favor respeitem a vontade das bios,Por que mantenho esse Blog para ajudar a todos,mesmo correndo riscos,e se eu achar que as pessoas que aqui postam estão agindo de má fé,eu excluo o Blog.
Por favor respeitem,quem for de São PAULO E QUISER DOAR,COLOQUE PARA DONA DO BLOG QUE RESPONDO,PODE SER ANONIMO QUE EU POSSO RESPONDER MESMO ASSIM.
AGUARDO

Kirian Rocha disse...

Eu quero adotar sou do rs .. 51 85995930

Anônimo disse...

quero muito adotar um bebe urgente darei muito amor carinho e boa criação meu zap 3185364500

Kirian Rocha disse...

Tatazinha eu quero

Anônimo disse...

Olá, estou ainda no aguardo pela bênção, tenho 34 anos e meu esposo tem 39,há vários anos estamos tentando pela minha bênção... Vou deixar o meu contato, não tenho palavras preferência por sexo nem cor.
Salemagata@gmail.com

Salém A Gata disse...

Bom, continuamos na espera, mas confesso que tem dias que a tristeza abate, e vc se sente como ninguém, mas, eu venho mais uma vez pedir que alguma bio,que queira doar de coração, sem pedir nada em troca, ficarei muito agradecida, e por favor peço a gentileza da administradora do grupo entrar em contato comigo pelo meu email.
Bjus e sorte a todas nós.

Carina Brito disse...

Pessoal espera em Deus ele vós dará muitos filhos.

Kelin Tanara Locatelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kelin Tanara Locatelli disse...

QUERO MUITO ADOTAR
POR FAVOR ENTREM EM CONTATO: kelintanara@gmail.com

Anônimo disse...

QUERO MUITO ADOTAR UMA MENINA,SE ESTIVER ALGUMA GRAVIDA QUERENDO DOAR,ENTRE EM CONTATO COMIGO, SOU CASADA E NAO POSSO ENGRAVIDAR,POR FAVOR ESPERO ALGUM CONTATO.

Marta Paiva disse...

você está grávida e não pode ficar com o bebê, entregue a um casal que deseja uma criança, ou se preferir, vc pode entregar ao conselho tutelar de sua cidade, não é crime, vc tem esse direito garantido por lei, se informe melhor.
quero muito uma criança.
martarspaiva@gmail.com

Janaina de figueiredo siqueira disse...

oi bom dia eu e meu marido gostariamos muito de adotar um bebe se tive alguma mae que queira doar seu bebe entre em contato comigo meu whadsapp 21 992767325 tenho o guarto todo montado

Cristina França disse...

Olá , meu nome é Cristina França, tenho 44 anos e eu e meu marido queremos muito adotar uma garotinha recém nascida. Ouço falar e leio muito sobre várias mamães grávidas que desejam doar seus bebês por motivos particulares . Se vc é uma dessas mães e mora em Salvador/Ba, entre em contato conosco. Deixo claro que pensamos em uma adoção consensual, dentro de todos os trâmites legais que envolvem uma adoção.
Somos de Salvador/Ba.

(71) 8866-7233 - Cristina

cristinasfranca@gmail.com

Anônimo disse...

DEUS É testemunho de como ja tentei ter outro filho e dar uma irmazinha p meu filho biologico de 7 anos....Amo criancas e sei que Deus tem um proposito para mim qro mto adotar um bebe e farei tudo para ele...me ajudem
elis2000@uol.com.br

Anônimo disse...

Boa Noite
Sou de SP ABC,,,,qro mto adotar um bebe....farei tdo certinho.....sei q adocao consensual é legal.
entao vc q conhecem uma mae q nao queira o seu bb, por favor me procurem e que Deus me ajude
elis2000@uol.com.br

Jessica Alves disse...

Olá já duou o seu BB
Qualquer coisa me ligue
14997287311
Eu e meu marido queremos adotar um bebê menina ou menino pois não posso engravidar .

Jessica Alves disse...

Olá já duou o seu BB
Qualquer coisa me ligue
14997287311
Eu e meu marido queremos adotar um bebê menina ou menino pois não posso engravidar .

Cristina França disse...

Olá , meu nome é Cristina França, tenho 44 anos e eu e meu marido queremos muito adotar uma garotinha recém nascida. Ouço falar e leio muito sobre várias mamães grávidas que desejam doar seus bebês por motivos particulares . Se vc é uma dessas mães, entre em contato conosco. Deixo claro que pensamos em uma adoção consensual, dentro de todos os trâmites legais que envolvem uma adoção.

Já somos habilitados.

(71) 8866-7233 - Cristina

cristinasfranca@gmail.com

Tatiana vieira disse...

Ola. Meu segundo aborto esse mes... Decidi q qro agora adotar. Eh um gesto d amor... Aguem q precise doar tenho interesse em adotar. Sou de Minas Gerais. Email tatianavieiracosta@gmail.com

juliana disse...

Oi tbm sou do Paraná tbm quero muito ser mãe por favor entre em contato julianamendes060290@gmail.com

Anônimo disse...

Sou de Belo horizonte eu quero adotar um bebe de caso tiver alguem meu email Jessicasonhodeamor@gmail.com aguardo...

Anônimo disse...

Séria legal também saber depoimento de quem consegue realizar o sonho de mãe do coração. Ex: como foi o processo de registrar o baby e demais coisitas de que poderia compartilhar conosco.

Anônimo disse...

Sou casada a 20 anos tenho dois filhos bio e infelizmente não poderei gerar mais. Tive 4 gestações 2 vivos e 2 perdas.
Queremos receber a bênção de ter uma princesinha.

A mãezinha bio que ter a decisão de doar.
Pode nos contactar
Laianasol@hotmail.com

Anônimo disse...

Estou gravida e não tenho condições de cuidar. Se tiver real interesse em dar amor e carinho incondicional para um bebê deixe um contato que responderei

Anônimo disse...

Oi sou de Minas meu face e Jessicasonhodeamor@gmail.com

Anônimo disse...

QUERO ADOTAR! ENTRE EM CONTATO 021 974938710

Anônimo disse...

bom dia quero muito adotar seu bebe entre em contato janainadefigueiredosiqueira75@gmail.com

Anônimo disse...

Bom dia quero muuto adotar um bb entre em contato comigo 71 8524-6091 aceito ligação acobrar tais.contas@hotmail.com

tais disse...

Bom dia
tudo bem manda seu contato para que possa falar com voce
tive 3 perca estou doida para ter um bb para da amor carinho e afeto porfavor entra em contato ou deixa seu número meu email :tais.contas@hotmail.com

Anônimo disse...

Tais.contas@hotnail.com
tel 71 85246091

Pode me ligar acobrar caso não tenha credito

Anônimo disse...

Tais. Contas@hotmail.com